Lince ibérico encontrado morto em Mértola foi envenenado

Kayakweru, a fêmea de lince ibérico libertada na natureza em Mértola a 25 de Fevereiro, foi encontrada morta no passado dia 9 de abril foi envenenada.

O resultado da necrópsia foi conhecido hoje e confirmou a morte por envenenamento.

A fêmea Kayakweru, nascida no Centro Nacional de Reprodução de Lince-Ibérico, em Silves, tinha sido libertada a 25 Fevereiro, foi encontrada morta pela equipa de campo do ICNF no passado dia 12 de março, numa zona florestal, no âmbito da monitorização dos animais reintroduzidos.

No total foram libertados na zona de Mértola seis linces-ibéricos desde meados de Dezembro.